O novo Vito é uma das grandes apostas da gigante empresa Mercedes-Benz para o mercado de veículo comerciais e será vendido já em novembro. A multinacional traz opções em furgão (111 CDI turbo diesel) e van nas versões: 119 Comfort (8+1) e Vito Tourer 119 Luxo (7+1). Ambos modelos, inclusive, têm motor turbo flex. O modelo possui 3.050 kg de peso bruto.

Mercedes-Benz Vito. Foto: Divulgação.

Mercedes-Benz Vito. Foto: Divulgação.

O novo Vito foi fabricado na Argentina, em Virrey del Pino. Quantos ao preços, no mercado nacional, os valores variam entre R$ 104.990 e R$ 139.990. Lembrando que as duas versões da van custam mais caro que o furgão.

Outros detalhes sobre o Vito

A expectativa é de que os modelos do novo Vito sejam mais econômicos quanto ao consumo de combustível. A Mercedes destaca, em publicações na Internet, que a linha Vito é uma das mais “eficientes e econômicas” do mercado, especificamente, neste segmento de veículos.

Mercedes-Benz Vito Furgão. Foto: Divulgação.

Mercedes-Benz Vito Furgão. Foto: Divulgação.

Neste caso, as publicações mencionam que o consumo médio obtido chega a cerca de 17,5 km/l e prevê ainda baixos índices de emissão de gases ao meio ambiente. Os carros da linha também contam com os seguintes equipamentos:

  • Até oito airbags;
  • ESP, ABS com EBD;
  • Monitoramento de pressão dos pneus.

Segundo informações, as três opções de carroceria possuem as seguintes medidas: furgão de carga – 4,89 metros, furgão misto – 5,14 metros e 5,73 metros – furgão passageiro. Vale citar também que o furgão da linha Vito vem com tração dianteira, além de 1.225 kg de carga útil.

Mercedes-Benz Vito Van. Foto: Divulgação.

Mercedes-Benz Vito Van. Foto: Divulgação.

O motor 1.6 turbodiesel chega a contar com 114 cv e 27,5 mkgf de torque. No caso da van, a tração é traseira e o motor o 2.0 turbo flex – de ambas versões – possui 184 cv e 30,6 mkgf de torque. Bom, a transmissão é de seis marchas – sendo manual. A empresa ainda disponibiliza opção de sete velocidades, neste caso, se trata de caixa automática e é opcional.

A tração (dianteira e traseira) presente no novo Vito é independente e conta com McPherson (na parte da frente). Os veículos possuem também direção elétrica e freios a disco em todas as rodas.

Modelo Actros

Mercedes-Benz Actros. Foto: Divulgação.

Mercedes-Benz Actros. Foto: Divulgação.

A empresa alemã traz novidades na linha Actros. Os caminhões extrapesados ganharam mudanças no design e inclusão do motor OM 460 LA de 510 cv de 13 litros. Inclusive. O modelo Actros tornou-se o carro mais potente da marca Mercedes-Benz, relacionado aos veículos produzidos no Brasil.

“As estradas falam e a Mercedes-Benz ouve – mais do que nunca, este compromisso da empresa está evidente de forma significativa no mercado brasileiro. Especialmente pelo lançamento da nova linha de caminhões extrapesados Actros rodoviários, assim como do furgão e da van da inédita linha Vito no segmento de comerciais leves. Estamos ouvindo cada vez mais as estradas e atendendo efetivamente às necessidades reais dos clientes” destaca Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil e CEO da América Latina.