Durante o evento anual Top Night realizado na capital paulista nessa quarta-feira (4), a Mercedes trouxe a público pela segunda vez o conceito futurista G-Code, movido a hidrogênio. A primeira aparição havido sido feita no Salão de Los Angeles (EUA), no último mês de novembro.

O G-Code, além do design invocado, traz um artifício interessante na grade dianteira. Ela muda de cor de acordo com o modo de condução escolhido pelo condutor, graças às pequenas lâmpadas tecnológicas que compõem a peça. Com o carro em movimento, se o modo elétrico for escolhido, as luzes apresentam a cor azul. Em modo híbrido, as luzes se alteram para a cor roxa e em modo esportivo elas ficam vermelhas. Quando o veículo pára, as luzes mudam para a tonalidade azul claro. A marca afirma que a inspiração veio da série Star Trek e a nave Enterprise.

Além da grade cheia de tecnologia, o conceito é dotado de um motor turbo alimentado por hidrogênio na parte dianteira e outro motor elétrico na parte traseira. O câmbio é de dupla embreagem e há tração nas quatro rodas. O interior tem bancos feitos em fibra de carbono e o painel têm vários elementos na forma digital.

Veja imagem do conceito no evento (Créditos: G1)

mercedes-g-code-5