Assim como fez a Volkswagen, lançando a última edição da lendária Kombi, a Fiat também encerrará um ciclo com chave de ouro. Batizado de Grazie Mille (Grazie, que significa “muito obrigado” em italiano), o modelo marcará o fim da linda do Uno Mille no mercado brasileiro.

Responsável por boa parte das vendas realizadas pela Fiat no Brasil, o Uno Mille deixará de ser fabricado devido ao fato de que a sua estrutura não comporta a instalação de freios ABS e airbags, equipamentos que passam a ser obrigatórios a partir de janeiro de 2014.

Em relação às vendas do Uno Mille, o modelo vendeu aproximadamente 3,6 milhões de unidades, sendo que foram exportadas outras 150 mil. Esses números foram os responsáveis por colocar a Fiat entre as montadoras que mais vendem no mercado brasileiro.

Lançado no Brasil em 1984, o Uno teve seu nome alterado para Mille na década de 90, tudo graças ao motor 1.0 que equipa o modelo. Agora, 30 anos após o seu lançamento, o popular italiano chega ao fim da sua trajetória, mas sempre será lembrado pelos consumidores.

Sobre o Grazie Mille, poucas informações foram divulgadas, mas o que sabemos é que o carro está em fase final de desenvolvimento, sendo que os fornecedores estão entregando as peças para que seja iniciada a etapa de pré-produção na planta da Fiat localizada em Betim, Minas Gerais.

O modelo será fabricado sobre a mesma plataforma do Palio Fire, em relação às mudanças visuais, é possível que o modelo traga detalhes que farão alusão à versão, assim como itens de série mais modernos, entre outras novidades que servirão para incrementar o lançamento de despedida do Uno Mille.