Indiscutivelmente a Hilux é um dos melhores modelos do mercado mundial, sendo, obviamente, líder da sua categoria. Embora os concorrentes tentem, nenhum deles consegue superar a excelência que essa caminhonete traz para os consumidores, seja em termos de potência ou então de conforto.

Depois de muitas especulações e previsões de quando a Toyota finalmente lançaria uma nova versão do modelo, eis que a montadora japonesa acenou com a possibilidade de a novidade chegar ainda em 2013, mais precisamente no mês de setembro.

A nova Toyota Hilux chegará ao mercado com diversas transformações, principalmente na parte externa, já que o modelo ganhará novas linhas e ficaria assim com um visual ainda mais arrojado e moderno. Algumas informações apontam que a caminhonete virá parecida com o RAV4 (um dos lançamentos da Toyota), mas sem abandonar de vez suas características mais marcantes.

O interior da Hilux 2014 será ainda mais moderno, uma vez que o acabamento será melhorado e o modelo receberá uma saída para GPS, no entanto esse item será adicional, ou seja, não virá incluso na caminhonete. O espaço também merece destaque, uma vez que a Hilux ficará ainda mais confortável, garantindo assim o bem estar de todos os ocupantes.

Em relação aos itens de série, ainda não está prevista a adição de novidades, mas convenhamos que a Toyota Hilux já conta com uma bela lista de equipamentos vindo de fábrica, por isso não existe uma necessidade tão grande de novos equipamentos.

A ideia da Toyota, ao que parece, é de melhorar os itens já presentes no veículo, uma vez que a montadora japonesa está prometendo um carro com ainda mais tecnologia, sendo assim podemos aguardar por novidades.

A parte mecânica do modelo continuará com o motor 2.7 4 cilindros capaz de gerar 158 cv de potência com gasolina e 163 cv de potência com etanol. Sei que você deve estar achando estranho falarmos de etanol não é mesmo? Mas aí é que está a grande novidade da Hilux 2014, a caminhonete, agora, terá disponível uma opção com motor flex. Lembrando que o câmbio não foi alterado e continua sendo automático de 4 velocidades.

O desempenho não foi lá dos melhores nos testes, mas também não deixou a desejar, o que realmente desapontou foi o consumo, uma vez que o modelo faz 5,4 km/l na cidade e 8,7 km/l na estrada.

O preço da nova Hilux ainda não foi oficialmente divulgado pela Toyota, no entanto os boatos são de que a caminhonete custaria a partir de R$ 120 mil. Em breve teremos mais informações.