A capital paulistana vai ganhar os dois primeiros táxis elétricos da América Latina a partir do dia 11 de junho. A idéia da prefeitura é realizar testes com dois modelos e aos poucos ir adicionando mais opções até chegar a um total de dez unidades no atendimento a população.

O modelo escolhido foi o Nissan Leaf – veículo totalmente elétrico que se alimenta de baterias de íon-lítio e possui autonomia de 160 km. A recarga será feita em dois postos e dura aproximadamente entre seis horas e oito horas – período esse considerado muito alto, porém no projeto apresentado nessa semana consta a introdução em breve de novos locais com equipamentos que realizam o mesmo serviço em apenas trinta minutos.

O preço também é um obstáculo a ser superado, pois além de ser importado, esse tipo de veículo ainda não recebe incentivos do governo brasileiro como ocorre em outros países mais desenvolvidos.

Para quem se interessar em que conhecer o projeto de perto, basta comparecer as esquinas da Rua da Consolação com a Avenida Paulista. É lá que fica o ponto escolhido de parada dos veículos. A tarifa é a mesma dos táxis comuns e por enquanto eles só vão rodar dentro da cidade.

Imagem: G1