Sim, é verdade. A primeira metade do tanque de combustível “rende mais”, e são dois os motivos:

O primeiro é que quando vamos ao posto e pedimos ao frentista que encha o tanque do carro, pode haver uma diferença de até 2 litros entre a quantidade de combustível que entrou no sistema e o nível máximo que o medidor detecta.

O segundo é que, quanto mais vazio, maior é o volume de combustível que se perde por evaporação.

Via: Super Interessante – Fonte: Carlos Yamamoto, do Laboratório de Análises de Combustíveis Automotivos.