Antes da chegada da nova geração, prevista para o ano de 2018, a Dodge lançou, nos EUA, o Challenger GT 2017 com AWD (All Wheel Drive). O modelo adota a mesma caixa de transferência e o mesmo sistema de desconexão do eixo dianteiro utilizados no Dodge Charger AWD Sport. Toda a potência do motor é tipicamente concentrada no eixo traseiro, canalizando força para o dianteiro apenas quando for necessária, ou seja, podendo alternar automaticamente entre a tração 4×2 e 4×4 dependendo das condições da pista.

Dodge Challenger GT AWD 2017. Foto: Divulgação.

Dodge Challenger GT AWD 2017. Foto: Divulgação.

Falando em motorização, o Dodge Challenger GT AWD 2017 é equipado com o propulsor 3.5 l Pentastar V6, capaz de entregar 310 cv de potência e 37 kgf.m de torque, atuando em conjunto com uma transmissão automática de 8 velocidades.

Externamente, o modelo é praticamente idêntico à versão com tração traseira. De série, inclui rodas de 19 polegadas com pneus de alta performance, um spoiler traseiro bastante discreto e luzes de neblina.

Dodge Challenger GT AWD 2017. Foto: Divulgação.

Dodge Challenger GT AWD 2017. Foto: Divulgação.

Na cabine do Dodge Challenger GT AWD 2017, o destaque fica por conta dos bancos em couro com sistema de aquecimento e ventilação, do volante também com opção de aquecimento, e da central multimídia com tela de 8,4 polegadas. Há ainda um pacote opcional chamado de “GT Interior” que adiciona mais detalhes em couro e Alcântara, um volante com foco no desempenho e um aparelho de som com 9 alto-falantes pela quantia de US$ 995 (aproximadamente R$ 3.375, no câmbio de hoje).

O Challenger GT AWD 2017 chega às concessionárias norte-americanas da Dodge por US$ 34.490 (aproximadamente R$ 117 mil, no câmbio de hoje) já incluindo a taxa de frete, fato que o torna mais atrativo naquele mercado do que seus principais concorrentes, tais como o Mercedes-Benz C300 4Matic Performance Coupe, o BMW 430i Gran Coupe xDrive e o Infiniti Q60 Coupe.