O piloto britânico da Mercedes Lewis Hamilton venceu no domingo passado, dia 3 de julho, o Grande Prêmio da Áustria voltando assim às vitórias no Campeonato Mundial de Fórmula 1 de 2016.

Apesar do acidente em que se envolveu com o seu colega de equipe Nico Rosberg na última volta da corrida, Lewis Hamilton, que nas apostas de desporto da bet365 era o favorito a vencer, conseguiu garantir a vitória e ficar assim mais perto da liderança do Mundial de Pilotos que é neste momento ocupada por Nico Rosberg.

2016070700001

Devido ao acidente Nico Rosberg acabou por terminar a corrida na 4ª posição, com Max Verstappen da Red Bull a terminar na 2ª posição e Kimi Raikkonen da Ferrari a terminar a 3ª posição.

No final da corrida o piloto alemão da Mercedes Nico Rosberg comentou o sucedido e mostrou-se um pouco desiludido por ter perdido a corrida na última volta.

“Estou completamente arrasado, é inacreditável. Tinha a certeza de que ia vencer a corrida e perdi na última volta. Estávamos a lutar. Eu estava a ter alguns problemas com os travões porque ficaram um pouco quentes e os meus pneus também se estavam a degradar, o que deu uma oportunidade ao Lewis. Mesmo assim, estava confiante de que podia defender e vencer.”

Apesar da derrota, Rosberg contínua a liderar o Mundial de Pilotos somando neste momento 153 pontos, na 2ª posição está Lewis Hamilton com 142 pontos e na 3ª posição o piloto da Ferrari Sebastian Vettel com 96 pontos.

A Mercedes é líder também do Mundial de Construtores tendo neste momento 295 pontos, na 2ª posição está a Ferrari com 192 pontos e na 3ª posição a Red Bull com 168 pontos.

Devido ao incidente que envolveu os dois pilotos da Mercedes no Grande Prêmio da Áustria, o chefe da equipe da Mercedes, Toto Wolff, irá decidir se irá impor regras em relação à competição entre os seus dois pilotos.

Lewis Hamilton em entrevista afirmou que espera que a sua equipe lhe permita continuar a lutar contra o seu companheiro de equipe.

“Eu quero correr. Cresci a querer correr. Queria chegar à Fórmula 1 e correr com os melhores e ser o melhor ao ultrapassar qualquer outro indivíduo”, começou por afirmar Lewis Hamilton em entrevista à Sky Sports.

2016070700002

Devido aos problemas que podem acontecer durante uma corrida Hamilton afirmou: “Estamos a conduzir a mais de 200 milhas por hora. Esperam que conduzamos assim e nunca tenhamos um problema? Duvido. Por isso espero que isso não mude e continuemos a correr. Essa é a minha opinião honesta de um amor a este desporto”.

Por último, vale mencionar que a próxima corrida do Campeonato do Mundo de Fórmula 1 irá realizar-se entre os dias 8 e 10 de Julho em Silverstone com a realização do Grande Prêmio da Grã-Bretanha. Os dois pilotos da Mercedes são novamente os favoritos para vencer esta corrida, com Lewis Hamilton a vencer esta corrida em 2015.

Fotos: Reprodução/Internet.