Após o Renault Logan ganhar a cara nova e o Nissan Versa receber um facelift, chegou a vez do Chevrolet Cobalt passar por sua primeira reestilização. Foi o modelo escolhido pela Chevrolet para inaugurar a nova linguagem global de design da marca no país.

Chevrolet Cobalt Elite 2016. Foto: Divulgação.

Chevrolet Cobalt Elite 2016. Foto: Divulgação.

Sobre as novidades, o novo Chevrolet Cobalt abandona os antigos para-lamas ressaltados e faróis semelhantes aos do Montana e Agile para adotar um conjunto dianteiro mais fluido e moderno. Explicando melhor essa mudança, a frente do modelo agora está parecida com a da minivan Spin, no entanto bem mais afilada. O capô, por sua vez, continua semelhante ao atual, com exceção do para-choque e a grade frontal que foram redesenhados e dos faróis que se tornaram mais bem trabalhados e afilados.

Chevrolet Cobalt Elite 2016. Foto: Divulgação.

Chevrolet Cobalt Elite 2016. Foto: Divulgação.

Novidades visuais

A traseira ganhou lanternas horizontais que invadem as laterais e que quase alcançam o para-choque traseiro. Trata-se de um “truque” da Chevrolet para que o novo Cobalt pareça mais largo. Para que isso fosse possível, a montadora teve também de criar uma nova tampa traseira com recorte para as lanternas maiores e um novo para-choque.

As laterais não sofreram alterações, no entanto com as mudanças realizadas tanto na traseira quanto na dianteira, a impressão é de que o novo Cobalt foi totalmente reformulado. O resultado final é bastante promissor e deve prejudicar as vendas do Prisma, modelo esse que vinha ganhando mercado devido a faltas de atualizações do seu irmão maior. No entanto, a disputa interna promete ficar ainda mais acirrada, visto que a Chevrolet prometeu uma reformulação para o sedan pequeno, algo que deve acontecer também em 2016.

Interior

Essas mudanças deixaram o Cobalt com uma pegada mais “americana”, algo que pode ser um positivo na disputa com os concorrentes. Além disso, o modelo também ganhou novidades em seu interior, como um painel mais detalhado com mudanças no quadro e a presença da tecnologia OnStar.

Motorização

Os motores não sofreram grandes alterações. O bloco 1.8 litros de 106/108 cv de potência continua o mesmo, o 1.4 litros passa a ser o SPE/4 (o mesmo usado no Prisma e no Onix). Para efeitos de comparação o antigo 1.4 litros EconoFlex fornecia 97 cv com gasolina e 102 cv com álcool, o novo SPE/4 faz 98 e 106 cv respectivamente. A transmissão continua sendo automática de seis marchas ou manual de cinco velocidades.

Painel do Chevrolet Cobalt Elite 2016. Foto: Divulgação.

Painel do Chevrolet Cobalt Elite 2016. Foto: Divulgação.

Cores

Além das tradicionais Branco Summit, Azul Macaw, Prata Switchblade, Preto Carbon Flash e Cinza Graphite, foram adicionadas à linha 2016 do Chevrolet Cobalt o Bege Pepper Dust, o Cinza Aztec e o Marrom Mogno Brown, esta desenvolvida exclusivamente para o lançamento do veículo.