Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

O veloz Bugatti Veyron está cada vez mais perto do fim da linha, isso porque restam apenas oito unidades do modelo para serem vendidas. Após a comercialização dessas últimas unidades, o carro sairá de linha e dará lugar para o Bugatti Chiron. Lembrando que a Bugatti é uma subsidiária de carros ultra-esportivos da gigante Volkswagen.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Ao todo foram produzidas quatrocentas e cinquenta unidades do Bugatti Veyron, sendo que apenas oito unidades ainda estão disponíveis e fecharão o ciclo do carro que alcança mais de 400 km/h. Lembrando que o modelo é comprado por encomenda, por isso o consumidor reserva e o Veyron é produzido.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Assim que as oito últimas unidades forem vendidas, a fábrica da Bugatti em Molsheim, França, encerrará a produção do Veyron e começará a ser preparada para a construção do Bugatti Chiron. Muitos consumidores e até mesmo fãs dessa máquinas não gostaram dessa decisão de tirar o carro de linha.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Bugatti Veyron Rembrandt Bugatti 2014. Foto: Divulgação.

Sobre o Bugatti Veyron, é importante ressaltar que se trata do carro de produção mais rápido do planeta, sendo que a versão Super Sport é capaz de atingir cerca de 428 km/h, além de fazer de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos. O motor do envenenado conta com 16 cilindros e oferece um pico de 1.200 cv de potência (modelo Super Sport).

Agora, o jeito é aguardar pelo Bugatti  Chiron, para que assim, possamos fazer nossas análises e saber o que a montadora traz de novidade nesse novo modelo ultra-esportivo.