ranger-sport-dianteiraDois anos depois de ser descontinuada, a Ford voltou a oferecer em todas as concessionárias do país a versão Sport para a nova Ranger, ao preço inicial de R$ 67.990.

Criada com base na versão de entrada XLS, ela vem apenas com cabine simples, tração 4X2 e motorização 2.5 litros Duratec iVCT de 173 cv de potência. Esse bloco de quatro cilindros é feito de alumínio e possui comando de válvulas variáveis, além de ser flexível. A transmissão é manual de cinco velocidades.

ranger-sport-interior

Entre os equipamentos, a nova versão oferece ar condicionado, direção hidráulica, airbag duplo, ABS com EBD, rodas de liga-leve aro 17, trava elétrica das portas. Também há de série: alarme antifurto, piloto automático, retrovisores externos com ajuste elétrico, faróis de neblina, controle de áudio no volante, som com CD player e MP3, rádio AM/FM, entrada USB/Ipod, tela LCD multifuncional de 4,2 polegadas.

ranger-sport-traseira

Externamente, a carroceria traz adesivo o “Sport” próximo às lanternas, faixas laterais exclusivas, santantônio e apliques no para-choque dianteiro.

O objetivo principal da marca com o relançamento da versão Sport é ganhar mercado até das picapes compactas, mas sua principal concorrente mesmo será a Chevrolet S-10 CS, que hoje é vendida por R$ 65.890.