As montadoras continuam apresentando as suas novidades para 2014, tanto que a bola da vez atende pelo nome de Tracker Freeride, a versão especial do SUV da Chevrolet que promete movimentar a categoria de utilitários do mercado brasileiro.

Baseado na versão LTZ do SUV norte-americano, o Tracker Freeride conta com algumas novidades em seu visual, novos equipamentos na parte interna e um item de série totalmente inusitado, uma bicicleta.

A parte externa do Chevrolet Tracker Freeride conta com retrovisores e maçanetas pintados na cor do veículo (disponíveis nas cores Cinza Cyber e Branco Summit), adesivos na coluna B e nas laterais, além de rodas de alumínio aro 16.

Internamente, o destaque fica por conta do rádio AM/FM estéreo com entrada auxiliar, bancos revestidos de tecido na cor Jet Black com rebatimento 60/40 nos assentos traseiros e adesivos que complementam o acabamento.

Como item de série, o Chevrolet Tracker Freeride traz uma bicicleta fabricada pela General Wings, contendo amortecedor dianteiro, freio a disco nas duas rodas, câmbio Shimano e 27 marchas. Além disso, o SUV ainda conta suporte para a bicicleta e barras transversais da marca Thule.

O motor do Tracker Freeride continua sendo o Ecotec 1.8, no entanto com algumas modificações realizadas pela Chevrolet, o propulsor agora produz 144 cv de potência com etanol e 140 cv de potência com gasolina. Para finalizar as novidades na parte mecânica do utilitário, a transmissão que antes era automática de seis marchas, agora é manual de cinco velocidades.

Em relação ao preço, é importante lembrar que o Chevrolet Tracker 1.8 com câmbio automático custa a partir de R$ 71.990. A versão Freeride será mais barata, uma vez que a transmissão é manual, os valores previstos partem de R$ 67.690, ou seja, quase R$ 4 mil de diferença.

O Chevrolet Tracker foi lançado em outubro de 2013 no mercado brasileiro, após alguns meses e bons resultados, a GM resolveu ampliar a linha do SUV, sinal de que a montadora está satisfeita com os números alcançados pelo utilitário.