Assim como suas principais rivais, a Ford apresentou a nova linha do seu utilitário Edge em forma de carro conceito. A apresentação aconteceu no Salão do Automóvel de Tóquio, no Japão. Como principais novidades, o SUV conta com a nova geração do sistema de estacionamento, ferramenta essa que permite que o carro seja estacionado mesmo estando vazio, ou seja, sem passageiros em seu interior.

Em relação ao seu visual, é possível notar que a montadora americana usou o Ford Fusion como base para algumas modificações, destaque para a grade frontal em formato hexagonal (tendência dos lançamentos recentes da Ford), para as novas lanternas traseiras e para os faróis estreitos.

Com todas essas modificações, o Ford Edge ganhou um aspecto mais esportivo, sendo assim um dos grandes trunfos da montadora para conquistar a preferência dos consumidores brasileiros.

Além do design renovado, o novo Ford Edge também contará com diversos itens tecnológicos, como é o caso dos novos sensores que permitirão ao carro disponibilizar um nível de condução semi-automática ao motorista e do novo sistema de estacionamento automático, onde o condutor não terá mais de acionar o acelerador e os freios.

Agora só será necessário escolher o local onde o carro será estacionado e pressionar um botão (que pode ser do controle remoto), feito isso o novo Ford Edge começará a executar todas as manobras automaticamente.

Outro recurso do sistema de estacionamento é de possibilitar com que o carro saia da vaga sozinho, permitindo assim com que os passageiros possam aguardar o Ford Edge terminar a manobra para assim entrar no SUV e seguir caminho.

Se o sistema perceber a presença de obstáculos parados ou em movimento lento na mesma pista que o Ford Edge, o mesmo emite alertas e atua sobre os freios automaticamente, a fim de prevenir a colisão.

Para finalizar a parte de comodidade e modernidade do Ford Edge, a direção adaptativa é uma função bastante prática, visto que trata-se de um sistema elétrico de desmultiplicação variável. Resumindo: as manobras em baixa velocidade exigem um número menor de giros de volante e roda, enquanto na estrada, a direção fica muito mais forte.

O interior do Ford Edge conta com alavanca de câmbio diferenciados, tela multimídia de 10 polegadas com MyFord, painel e volante em couro costurado a mão, entre outros.

A data de lançamento e o preço ainda não foram divulgadas, mas acredita-se que ocorra em meados de 2014.