Enfim, a BMW vai lançar um superesportivo, desta vez na configuração híbrida. O modelo em questão é o híbrido i8, que foi apresentado no Salão de Frankfurt (Alemanha) já na versão de produção. Segundo a marca alemã, o modelo chega ao Brasil a partir de 2015. O primeiro a chegar será o compacto i3, que já havia sido confirmado anteriormente e vai custar a partir de R$ 115 mil.

O esportivo que foi revelado pela primeira vez no Salão de Frankfurt de 2009 tem um projeto de desenvolvimento que já dura quatro anos, até chegar à versão final. O conceito está equipado com dois motores, sendo um a gasolina de 1.5 litro, três cilindros, turbo, que desenvolve glorificados 231 cv e 32,7 kgfm de torque que funciona em conjunto com outro elétrico, de 130 cv e 25,5 kgfm. Tudo para empurrar 1.490 kg.

De acordo com a marca, ele faz de 0 a 100 km/h em apenas 4,4 segundos e sua velocidade máxima é limitada a 250 km/h. Seu consumo médio é de 37 km/l, segundo os testes da BMW e pode viajar até 37 quilômetros apenas com eletricidade e 500 quilômetros com o uso dos dois tipos de motor. O modelo que mede 4,68 metros de comprimento por 1,94 m de largura e 1,29 de altura, com 2,8 m de entre-eixos usa de materiais leves e resistentes como alumínio, magnésio e vidros das janelas traseiras mais finos que o normal. Seu coeficiente de arrasto aerodinâmico é baixo o que ajuda no desempenho e consumo.

Por Marcus Lauria