Chevrolet Classic deixa de ser produzido em São José dos Campos

Aconteceu o que já era esperado, o aclamado modelo da Chevrolet, muito bem visto no mercado pela sua resistência e adorado pelos vendedores da marca, vai sair de linha. As informações são da própria General Motors, que resolveu antecipar o fim da produção do sedã compacto na fábrica de São José dos Campos (SP), que estava previsto para dezembro.

De acordo com a empresa, até meados de junho eram produzidas em média 150 unidades do Classic por dia. O fato do modelo sair de linha, acaba afetando os trabalhadores da marca, que foram convidados para participar de um Programa de Demissão Voluntária (PDV), que são cerca de 850 funcionários e alguns agregados do setor. Quem não quiser participar desse programa, será dispensado e receberá apenas a indenização prevista em lei.

A decisão foi tomada na última sexta (16), em uma reunião entre o diretor de assuntos institucionais da GM, Luiz Moan e o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos local, Antonio Ferreira de Barros. De acordo com o executivo, a produção ficou “economicamente e financeiramente inviável”. O mesmo modelo é produzido em São Caetano do Sul (SP) e na Argentina, a média de vendas é de dez mil unidades por mês no Brasil.

Por Marcus Lauria