BMW Série 3 GT desembarca no Brasil em outubro por R$ 154 mil

Em evento realizado pela BMW no último sábado (17), o “BMW Ultimate Experience”, restrito a convidados e jornalistas VIPs, a marca alemã fez uma apresentação de toda gama e aproveitou para revelar em primeira mão o novo Série 3 GT.

O modelo um tanto polêmico, segue a nova linhagem da marca chamada de “cupê esportivo”, inaugurada pelo modelo Série 5 GT. São linhas exuberantes que se deram melhor com essa versão menor da série 3. A traseira tipo hatchback e o teto em formato de arco chegam a confundir o carro com um cupê estilizado. O carro não possui molduras nas portas e tem um erofólio traseiro ativo que se levanta quando o carro atinge 110 km/h que fazem conjunto com as saídas de ar nas laterais, típicas da marca.

O Série 3 GT usa como base o atual Série 3 sedã, porém, com uma posição de dirigir levemente elevada, de 6 cm. O GT também é 20 cm mais longo e 8 cm mais alto, resultando em maior espaço interno e um porta-malas maior, onde cabem exatos 520 litros, podendo chegar aos 1.020 litros com os bancos rebatidos.
 BMW Série 3 GT desembarca no Brasil em outubro por R$ 154 mil
Bem equipado, o Série 3 GT chega completo de fábrica, fazem parte do pacote sistema start-stop, ar-condicionado digital, ABS/EBD, airbags frontais, de joelho para os passageiros dianteiros e laterais de cortina, controles de estabilidade e tração, adaptive cruise control, Dynamic Drive, sistema de entretenimento com GPS e tela de 8,8″, além de três câmeras de estacionamento.

Segundo a assessoria de imprensa da marca, o modelo chega em duas versões, a de entrada 320i GT, empurrada por um motor 2.0 turbo de 184 cv, e a 328i GT com propulsor de 2.0 turbo de 245 cv de potência. As duas versões usam o mesmo câmbio, ou seja, um automático de oito marchas. A 320i GT vai custar R$ 154 mil e a 328i GT R$ 184 mil. O modelo chega em outubro com a versão de entrada 320i GT, enquanto que o 328i GT chega em dezembro.

Por Marcus Lauria