Nessa quarta-feira a Citroën revelou oficialmente as primeiras imagens do substituto do nosso C4 Pallas. Lá fora o nome será C4 L e por enquanto a fabricação será feita apenas na Rússia e na China. Projetado no centro de estilo da marca em Xangai, ele se destaca principalmente pelo porte e pelo amplo espaço interno, resultado da boa distância entre-eixos (a maior do segmento). O porta-malas tem capacidade para 440 litros.

Entre os principais equipamentos de série podemos destacar a tela de LCD com GPS em 3D, faróis de xenônio e ar condicionado automático, fora vários outros mimos.

Não podemos deixar de falar sobre o design, que segue a última tendência visual da marca destacada nos modelos DS. Os fortes vincos e as linhas robustas são decorados com a grande quantidade de cromados e chamam bastante atenção.

Na parte mecânica foram reservados três propulsores aos mercados lá de fora, são eles: 1.8 VTI de 135 cv a diesel e 1.6 THP de 150 e 170 cv a gasolina, associados a um câmbio automático de seis velocidades sequencial.

O discurso por enquanto é que ele será fabricado apenas na Rússia e a China, mas se tudo sair como esperado o anúncio da produção em El Palomar na Argentina será feito em breve.

E vocês leitores, aprovaram o novo sedã da marca francesa? Deixa suas opinião sobre ele nos comentários.